Seja um Ativista Seja um Associado Faça uma Doação Lojinha Adote Sobre a PEA

 

Página Inicial

Animais
Eventos
Meio Ambiente
PEA

 

Ajude a PEA

 

Ajude a combater os maus tratos e o abandono de animais. Seu apoio é muito importante.

Faça a Diferença

Clique Aqui

Você também pode ajudar

efetuando sua contribuição nos bancos abaixo

 

Banco Itaú

 Agência: 1574

Conta Corrente: 22004-0

 

Bradesco

  Agência: 0665-3

Conta Corrente: 127.526-7

 

CNPJ: 05.872.606/0001-30

 
Acesse, Copie, Divulgue

 

 

Siga a PEA

 

 

Notícias - ANIMAIS


 

Prefeitura de SP deve retirar 400 cães deixados em terra indígena, diz MPF

Procuradoria afirma que animais prejudicam saúde da população local.
Área indígena, com cerca de 800 habitantes, fica na Zona Norte da capital.

O Ministério Público Federal (MPF) recomendou à Prefeitura de São Paulo que remova cerca de 400 cães abandonados na terra indígena Jaraguá, na Zona Norte da cidade. Segundo a Procuradoria, os animais causam problemas à saúde da população local, como doenças de pele e surto de pulgas e carrapatos.

O prazo para que a Prefeitura se manifeste sobre a retirada dos animais é de dez dias úteis, de acordo com o MPF. A Prefeitura informou ao G1 que o Centro de Controle de Zoonose (CCZ) recebeu a recomendação na última sexta-feira (17) e que o órgão estuda as medidas a serem adotadas.

Ainda segundo a Procuradoria, foi recomendado também que a Prefeitura, por meio do CCZ, tome medidas para impedir que novos animais sejam deixados na região da terra indígena. Um cão da raça pit bull, que estava na aldeia, foi retirado pelo CCZ na sexta-feira (17). De acordo com o MPF, o animal estava preso em um galinheiro. 

A terra indígena Jaraguá, segundo o MPF, é a menor aldeia demarcada no Brasil, com 1,5 hectare e aproximadamente 800 habitantes.

Fonte: G1

Data: 21/10/2014 12:58:02

Compartilhe a notícia:

>voltar<