Seja um Ativista Seja um Associado Faça uma Doação Lojinha Adote Sobre a PEA

 

Página Inicial

Animais
Eventos
Meio Ambiente
PEA

 

Ajude a PEA

 

Ajude a combater os maus tratos e o abandono de animais. Seu apoio é muito importante.

Faça a Diferença

Clique Aqui

Você também pode ajudar

efetuando sua contribuição nos bancos abaixo

 

Banco Itaú

 Agência: 1574

Conta Corrente: 22004-0

 

Bradesco

  Agência: 0665-3

Conta Corrente: 127.526-7

 

CNPJ: 05.872.606/0001-30

 
Acesse, Copie, Divulgue

 

 

Siga a PEA

 

 

Notícias - ANIMAIS


 

Projeto GAP resgata chimpanzés e leões de zoológico de Aracaju (SE)



Após algumas semanas de preparação, uma equipe do Santuário de Grandes Primatas e Felinos de Sorocaba, afiliado ao projeto GAP, deu início ontem em Aracaju (SE), à maior operação de resgate individual que já realizou. Três chimpanzés (um macho e duas fêmeas) e duas leoas do zoológico particular do Hotel Fazenda Boa Luz estão a caminho de Sorocaba (SP) e têm chegada prevista para hoje, dia 23, pela manhã (um dia antes do previsto).

Ao longo de vários anos, o zoológico do hotel tinha adquirido, além de aves e animais menores, três chimpanzés, duas leoas, dois ursos, dois hipopótamos e uma elefanta. A transferência dos animais partiu voluntariamente da gerência do hotel, que avaliou que este tipo de zoológico não atrai mais o público e tem um custo alto de manutenção. Até o momento, o hotel não conseguiu doar os ursos, o hipopótamo e a elefanta e está na expectativa que algum local se candidate a recebê-los.

A gerência do Ibama de Sergipe e a Secretaria do Meio Ambiente de São Paulo colaboraram para que todas as permissões para a transferência e o transporte fossem aprovadas com a celeridade necessária.

Estado dos animais

Todos os animais se encontram em bom estado de saúde e o zoológico colaborou a todo o momento para que o complexo resgate acontecesse com segurança. O chimpanzé macho, chamado Martin, chegou em Sergipe procedente do Criadouro de Marco Schwarz, que ficava no Paraná e já está fechado há mais de 10 anos. As fêmeas – Jamaica (a mais jovem) e Maria das Dores (a mais velha) – foram compradas de circos. As leoas são procedentes de circos.

Os chimpanzés e leoas que viviam no zoológico vão passar a integrar a população de cerca de 300 animais (sendo 54 chimpanzés) que já vivem no Santuário de Grandes Primatas e Felinos do GAP de Sorocaba, e lá receberão todo o acompanhamento e cuidado para terem a melhor qualidade de vida possível em cativeiro – sem o estresse causado pela exibição ao público em zoológicos.

Fonte: Agência de Noticias e Direitos Animais

Data: 23/10/2014 11:22:09

Compartilhe a notícia:

>voltar<